[Resenha] Ladrões de Elite por Ally Carter

Titulo: Ladrões de Elite
Autor: Ally Carter
Editora: Arqueiro
Gênero: Infanto-juvenil/Aventura
Ano: 2011
Paginas: 240
Classificação: 4/5



Sinopse: Quando tinha 5 anos, Katarina Bishop distraiu os guardas da Torre de Londres para que o pai pudesse roubá-la. Aos 7, ela ouviu o tio Eddie planejar a interceptação de 80% do caviar do planeta. Quando fez 15 anos, Katarina armou um golpe por conta própria - um esquema para entrar no melhor colégio interno dos Estados Unidos e deixar para trás os negócios da família. Só que trocar de ramo e ter uma vida normal acabou sendo mais difícil do que Kat esperava. Hale, seu amigo charmoso, bilionário e antigo comparsa, logo aparece para levá-la de volta à realidade da qual ela havia se esforçado tanto para fugir. Mas é por um bom motivo: uma inestimável coleção de arte de um temido mafioso foi roubada e ele quer recuperá-la, custe o que custar. Somente um mestre do crime poderia ter realizado essa proeza e o pai de Kat é o único suspeito, embora insista em negar qualquer envolvimento. Encurralado entre a Interpol e um inimigo assustador, ele precisa da ajuda da filha. Para Kat, só existe uma saída: encontrar os quadros e roubá-los de volta. Não importa se parece impossível, se ela não tem pistas do ladrão e se o prazo é de apenas duas semanas. Com uma equipe de adolescentes talentosos e uma mãozinha da sorte, Kat está determinada a realizar o maior golpe da história da família e provar que jamais a abandonou.


ResenhaLadrões de Elite é o primeiro livro da série da autora. Após Katarina, deixar sua antiga vida e tentar viver uma vida normal, de estudante na Colgan, ela é expulsa, e recebe a noticia de que seu pai esta em perigo, sendo acusado por um bandido de ter roubado quadros muitos valiosose esse foi um crime que não cometeu. Para ajudar o pai Kat, e Hale - seu 'amigo', planejam como iram recuperar as obras que foram roubadas.

Hale é um mistério para o leitor e até para a personagem, ele é rico, inteligente e sarcástico (Gostei muito dele), disposto a fazer de tudo para ajudar a Kat, ele chama as pessoas mais próximas, confiáveis e talentosas para esta aventura. Entre elas - Gabrielle, sua prima que é o oposto dela, feminina, sempre de saia e salto alto, ela é rápida e a distração, para que o plano funcione.

As vezes é preciso a perspectiva de alguém de fora para enxergar a verdade.

Este é o primeiro livro que leio da Ally Carter e a autora fez uma trama muito boa, colocando novos personagens na hora certa, lugares diferentes, e nos fazendo passar por um mistério, tentar descobrir a verdadeira identidade do ladão, e assim, duvidar se não foi realmente o pai da Kat, já que ele é um ladão muito bem conhecido por suas estrategias inigualáveis.

Pela primeira vez na vida de Katerina Bishop, ela entendeu de verdade que uma imagem vale mais que mil palavras.

Adorei a leitura, principalmente por me lembrar uma série que eu amo - White Collar, que é sobre roubos de artes, então foi uma leitura bem rápida, também, por querer saber se a Kat e seus amigos, iram cumprir o objetivo até o prazo final. Não tinha lido nada assim antes, sempre vejo filmes e séries com esse assuntos, mas adorei e quero terminar a trilogia ainda este ano, mesmo sabendo que não será lançado o resto dos livros no brasil. :(

Nunca viajei para tantos lugares, num só livro, é muito instigante e estimulante, todos os personagens tem suas próprias habilidades, e eu simplesmente gostei de todos!
E é uma historia muito imprevisível, além de despretensiosa, um adaptação para o cinema seria genial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário