[Resenha] Grey por E. L. James


Título: Grey
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
Gênero: Romance/Erótico
Ano: 2015
Páginas: 524
Classificação: ★★★★★





Sinopse: Na voz de Christian, e através de seus pensamentos, reflexões e sonhos, E L James oferece uma nova perspectiva da história de amor que dominou milhares de leitores ao redor do mundo. Christian Grey controla tudo e todos a seu redor: seu mundo é organizado, disciplinado e terrivelmente vazio – até o dia em que Anastasia Steele surge em seu escritório, uma armadilha de pernas torneadas e longos cabelos castanhos. Christian tenta esquecê-la, mas em vez disso acaba envolvido num turbilhão de emoções que não compreende e às quais não consegue resistir. Diferentemente de qualquer mulher que ele já conheceu, a tímida e quieta Ana parece enxergar através de Christian – além do empresário extremamente bem-sucedido, de estilo de vida sofisticado, até o homem de coração frio e ferido. Será que, com Ana, Christian conseguirá dissipar os horrores de sua infância que o assombram todas as noites? Ou seus desejos sexuais obscuros, sua compulsão por controle e a profunda aversão que sente por si mesmo vão afastar a garota e destruir a frágil esperança que ela lhe oferece?

Turnê de lançamento: Destinado por Carina Rissi

Ian Clarke é um homem de sorte e sabe muito bem disso. Ele encontrou a felicidade que tanto almejava ao lado de sua amada (e complicada) Sofia. Não que tenha sido fácil — mas o que é simples quando o assunto é sua esposa? O destino tem sido gentil, e por essa razão Ian se esforça tanto para ser um bom marido, um bom pai, um bom irmão. Entretanto sua felicidade começa a ruir no baile de aniversário de sua irmã, Elisa. Ian assiste, impotente, enquanto sua vida perfeita se transforma em uma terrível catástrofe. A noite é desastrosa, e Elisa, a menina que ele jurou proteger, se torna alvo de um escândalo. Mas o pior ainda está por vir. Um assunto do passado, um pesadelo que há muito o persegue, retorna para assombrá-lo. Aterrorizado com a possibilidade de perder Sofia outra vez, Ian segue seu coração na tentativa de proteger a mulher que ama, sem se importar com as consequências. Ele só não suspeitava de que o preço a pagar seria tão alto... Em Destinado: as memórias secretas do sr. Clarke, os leitores vão conhecer um novo capítulo da arrebatadora história de amor de Ian e Sofia — desta vez pela perspectiva desse cavalheiro que conquista corações por onde passa.

Lançamentos de Setembro

A vida de Connor Black é a sua empresa e seu uso de múltiplos mulheres e nunca Forever Youseria o amor, relacionamentos ou uma vida de conto de fadas. Emocionalmente morto e danificado, resultado de uma tragédia pessoal, Connor jurou nunca mais amar ou se apaixonar por uma mulher, até que Ellery Lane, entrou na sua vida por acaso e o mudou para sempre. Ele começa a experimentar sentimentos e emoções que nunca sentiu antes. Você leu a jornada com Connor e Ellery e como seu amor, coragem e força foi posta à prova. Você assistiu seus mundos se unirem através dos olhos de Elley em Forever Black. Agora é hora de fazer a viagem através dos olhos de Connor.

Lançamentos de Agosto

Na Escola Secundária de Dryden, Deenie, Lise e Gabby formam um trio inseparável. Filha do professor de química e irmã de um popular jogador de hóquei da escola, Deenie irradia a vulnerabilidade de uma típica adolescente de 16 anos. Quando Lise sofre uma inexplicável e violenta convulsão no meio de uma aula, ninguém sabe como reagir. Os boatos começam a se espalhar na mesma velocidade que outras meninas passam a ter desmaios, convulsões e tiques nervosos, deixando os médicos intrigados e os pais apavorados. Os ataques seriam efeito colateral de uma vacina contra HPV? Envoltos em teorias e especulações, o pânico rapidamente se alastra pela escola e pela cidade, ameaçando a frágil sensação de segurança daquelas pessoas, que não conseguem compreender a causa da doença terrível e misteriosa.

Dez Coisas Que Aprendi Sobre o Amor

Sinopse: A história fala sobre duas pessoas completamente diferentes e, ao mesmo tempo, que complementam-se: Daniel, um mendigo que lista diariamente os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu; e Alice, que não se sente à vontade entre a família que a cerca e também tem a sua lista, de coisas que a tornam feliz ou triste. O que eles tem em comum, devem estar me perguntando? O amor, é claro, esse sentimento que se torna um dos personagens principais, presente em toda a história.


Participe do livro "Outrora - Contos Distópicos"

"Até 31 de agosto de 2015, a Andross Editora estará recebendo contos distópicos para publicação no livro OUTRORA”

 
A Andross Editora está recebendo contos sobre distopia para publicação no livro "OUTRORA — CONTOS DISTÓPICOS”, a ser lançado em novembro de 2015 no evento Livros em Pauta.

Qualquer pessoa pode participar. Basta acessar o site www.andross.com.br, ler o regulamento de participação e submeter seu texto à avaliação. As inscrições vão até 31 de agosto de 2015.

Lançamentos de Julho

Em uma sociedade em que os jovens rejeitados são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, três fugitivos lutam contra o sistema que os fragmentaria. Unidos pelo acaso e pelo desespero, esses improváveis companheiros fazem uma alucinante viagem pelo país, conscientes de que suas vidas estão em jogo. Se conseguirem sobreviver até completarem 18 anos, estarão salvos. No entanto, quando cada parte de seus corpos desde as mãos até o coração é caçada por um mundo ensandecido, 18 anos parece muito, muito longe.


[Resenha] Ela disse, Ele disse por Thalita Rebouças

Título: Ela disse, Ele disse
Autor: Thalita Rebouças
Editora: Rocco
Gênero: Infanto-Juvenil
Ano: 2010
Páginas: 189
Classificação: ★★★★★






Sinopse: Alternando as vozes de Rosa e Leo, ambos adolescentes de 14 anos novos no mesmo colégio, Ela disse, ele disse é um divertido romance que mostra como meninos e meninas podem sentir as mesmas coisas, mas pensar e agir de modo muito diferente. Por muito pouco, a timidez de um pode virar antipatia na cabeça do outro; por outro lado, uma reação mais alegre e espontânea corre o risco de ser interpretada como “mole” pelo sexo oposto. Não é à toa que, do alto dos seus 14 anos, Rosa conclui que “garotos são feitos de outro tipo de massinha”. Mas apesar de todas as diferenças, os olhares desses dois filhos únicos de pais separados insistem em se cruzar desde o primeiro dia de aula na escola Dinâmica. Ele foi logo puxando conversa com ela, deslocada no canto da sala. “Ai, que fofo”!, pensa Rosa, já certa de que Leo, além de muito educado, estava superinteressado nela; mas tão rápido e descolado quanto demonstra ser para se aproximar, não pensa duas vezes antes de dar as costas à garota e se juntar à ala masculina da turma para integrar o time de futebol na hora do recreio. “Garotos... humpf”!.

[Resenha] A Playlist de Hayden de Michelle Falkoff

Título: A Playlist de Hayden (Playlist for the Dead)
Autor: Michelle Falkoff
Editora: Novo Conceito
Gênero: Drama / Jovem adulto
Ano: 2015
Páginas: 224

Classificação: 





Sinopse: Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente. Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava. A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.

Primeira parte da resenha aqui.